R E F L I T A:


Mande suas críticas e sugestões: sbritom@hotmail.com


segunda-feira, 11 de agosto de 2014

Qual das duas professoras você é?

Se você é educador dos anos iniciais, principalmente, veja com qual das duas professoras apresentadas no texto a seguir, você mais se identifica.

“JOÃOZINHO VAI À ESCOLA”
Joãozinho era um menino pequeno. Mas já sabia fazer muitas coisas. Aprendeu algumas com seu pai, outras com sua mãe, amigos e muitas sozinho, tentando no pátio de sua casa, no seu quarto, na copa de sua árvore preferida...
Ele estava muito entusiasmado, pois iria iniciar mais uma nova aventura: IR PARA A ESCOLA!
Chegando lá ele a achou enorme. Olhava tudo com assombro e curiosidade.
“Puxa  quanta coisa farei aqui”, pensava  Joãozinho.
Certo dia a professora anunciou:

__ Hoje vamos fazer um desenho!
Joãozinho vibrou. Ele adorava desenhar. Sabia fazer um monte de coisas. Pegou seus lápis de cor para começar. Porém a professora impede que ele comece, ela nem havia dito o quê nem como deveriam fazer.
__ Vamos  fazer uma árvore!
Joãozinho  se  entusiasmou novamente. Ele sempre desenhava as árvores que havia em sua casa. “Vou desenhar  o meu pé de cinamomo. Ele está cheinho de flores... vou desenhar a casinha que eu construí na árvore”... ia pensando Joãozinho. Mas novamente foi interrompido. __ Prestem atenção!  Olhem bem para esta árvore que a professora desenhou. Observem as cores... do tronco, da copa.
Joãozinho olhou para a árvore da professora. Até que era bonitinha, mas achava as suas mais bonitas.
Calado, pegou o lápis e desenhou a árvore da professora: tronco marrom, copa verde.
Outro dia a professora disse que teriam uma surpresa, apresentou uma barra de argila e anunciou:
__ Hoje vocês vão modelar!
Joãozinho sabia e adorava modelar. Perto de sua casa tinha muito barro. Ele e seus irmãos faziam com o barro coisas lindas. 
Amassando entusiasmado seu pedaço de argila, pensava no  que iria inventar . O entusiasmo durou pouco até a professora dizer:
__ Vamos fazer um cinzeiro para presentear o papai. Olhem para este cinzeiro que eu trouxe. Hoje vamos modelar,  outro dia pintar. Os pais  de vocês vão adorar. Vai ficar lindo!...
Joãozinho, calado, começou a modelar o seu cinzeiro. Não gostou do cinzeiro, o pior, seu pai nem fumava.
Joãozinho, que antes adorava seus desenhos, suas modelagens, mudou muito. Já não se entusiasmava mais com as surpresas anunciadas pela professora. Aprendeu a fazer as coisas iguais às da professora. Tirava boas notas.
Um dia a família de Joãozinho mudou de cidade e o menino teve que ir para outra escola.
A nova professora contava histórias e solicitava para que todos a ajudasse contar e dramatizar  as histórias. Joãozinho só respondia o que lhe perguntavam.
Após a história a professora falou:
__ Vamos desenhar o que mais gostamos da história!
Joãozinho  ficou esperando que a professora dissesse o que deveriam desenhar. Mas ela não disse. Ela ficava andando pela sala. Chegando perto de Joãozinho, perguntou:
__Você não quer desenhar?
__ Sim senhora, mas o que devo fazer?
__ Aquilo que você quiser. Você é quem sabe o que mais gostou da história.
__  Como devo fazer?  Que cores devo usar?
__  Como você achar que fica melhor. O desenho é seu. Que graça teria se todos fizesse tudo igual?...
Joãozinho voltou-se para sua folha e começou o seu desenho... “uma árvore de tronco marrom e copa verde...”

Fonte: FEIL, Iselda T. Sausen. Alfabetização: Um desafio para um novo tempo. Vozes.      

2 comentários:

  1. E tem tantas professores assim, que impõe as coisas para seus alunos, limitando sua criatividade.

    bjokas =)

    ResponderExcluir
  2. NOVO OLHAR SOBRE A MATEMÁTICA, Jornal Beira do Rio, UFPA, Abril 2011,
    www.jornalbeiradorio.ufpa.br/novo/index.php/2011/124-edicao-93--abril/1189-novo-olhar-sobre-a-matematica

    MÁRIO SERRA - ENGENHEIRO, MATEMÁTICO E AMAZÔNIDA, Jornal Beira do Rio, UFPA, Ano XXVIII Nº 120. Agosto e Setembro de 2014,
    http://www.jornalbeiradorio.ufpa.br/novo/index.php/2014/152-2014-08-01-17-25-17/1618-2014-08-04-14-34-28

    RENATO PINHEIRO CONDURÚ (Belém-Pa, 25/08/1926 - 23/06/1974), ENGENHEIRO-MATEMÁTICO PARAENSE: INDO DO GUAMÁ ALÉM DO VAL DE CÃES ( solicite por e-mail: jbn@ufpa.br)

    ALGUMAS MULHERES DA HISTÓRIA DA MATEMÁTICA E QUESTÃO DE GÊNERO EM C & T.
    http://sitiodascorujas.blogspot.com.br/2013/06/mulheres-na-matematica.html

    CONSTANTINO MENEZES DE BARROS I - MATEMÁTICO QUE LIGA O PARÁ/BR AOS MAIORES CENTROS DO MUNDO E COMPARÁVEL AOS GRANDES ÍCONES DA HISTÓRIA DA MATEMÁTICA (II a V não publicados, disponível por e-mail), (Óbidos-Pa, 19/08/1931, Rio de Janeiro-RJ, 06/03/1983), Ex-Docente UFF e UFRJ,
    www.chupaosso.com.br/index.php/obidos/educacao/2149-vida-e-obra-de-constantino-menezes-de-barros

    PROFESSORA SANTANA: Candidata a Melhor Docente do Ensino Básico Paraense, Blog Chupa Osso, 23 Junho 2013, www.chupaosso.com.br/index.php/obidos/educacao/2453-proessora-santana-candidata-a-melhor-docente-do-ensino-basico-paraense

    SABER MATEMÁTICO E CULTURA INDÍGENA, blogue da AICL, 20 de Setembro de 2011,
    http://coloquioslusofonia.blogspot.com.br/2011/09/saber-matematico-e-cultura-indigena.html

    PAIRÉ CAMETAENSE: UMA BELA OBRA EM MATEMÁTICA E ENGENHARIA (não publicado, disponível por e-mail: jbn@ufpa.br)

    CONHEÇA MARIA LAURA MOUZINHO LEITE LOPES, UMA DAS PRIMEIRAS DOUTORAS EM MATEMÁTICA DO BRASIL!,
    http://encontrodejovenscientistas.com/2015/02/02/conheca-maria-laura-mouzinho-leite-lopes-uma-das-primeiras-doutoras-em-matematica-do-brasil/

    NASCIMENTO, J.B., GOMES, S.C. L., MAGNO, C. S. E MOREIRA, A. M. S. , CICLOIDE E BRAQUISTÓCRONA, www.sobralmatematica.org/preprints/preprint_2015_01.pdf, acesso fev/15

    ResponderExcluir